Feitiço da Sombra
Feitiço da Sombra


Feitiço da Sombra - Segundo livro da trilogia Primos O’Dwyer, Feitiço da sombra é uma emocionante história sobre os maiores poderes mágicos que existem: o amor, a amizade e a família. Connor O’Dwyer se orgulha de chamar o Condado de Mayo de seu lar. É lá que Branna, sua irmã, mora e trabalha e onde Iona, sua prima, encontrou o verdadeiro amor. Foi nessa terra que seus parentes e amigos formaram um círculo de proteção que nunca poderá ser rompido... Até que um beijo põe em risco a segurança de todos. Depois de um breve encontro com a morte, Connor e a melhor amiga de sua irmã se entregam um ao outro. Eles se dão bem desde a infância e, depois do tórrido encontro, o rapaz tem esperança de que esse relacionamento evolua. Para frustração dele, no entanto, Meara se contenta apenas com o prazer do momento, temendo se perder – e perder a amizade dele. Essa mudança em sua relação pode abalar o círculo e permitir que uma perigosa ameaça ressurja aos poucos, como uma névoa. Para detê-la, Connor precisará novamente da família e dos amigos para despertar a força e a fúria que correm em seu sangue. Quem sabe pela última vez.

Romance

0 comentários:

Postar um comentário

FORMULÁRIO DE REEFS

DEFENDA OS CORAIS DA AMAZÔNIA

Pressione a Total e a BP a cancelar seus planos de exploração petrolífera na Foz do Amazonas.

Autora

Autora
Daiani, 24 anos, apaixonada pelos livros do Nicholas Sparks

Seguidores

Redes Sociais

Tecnologia do Blogger.

Postagem em Destaque

Resenha A Estrela Mais Brilhante_ Shirlei Ramos

Depois de tantos meses longe do blog eu voltei e pra ficar, energia renovada, e com muita vontade de compartilhar com vocês os melhores...

Postagens Populares

RESENHA MAIS VISUALIZADA 1

RESENHA MAIS VISUALIZADA 1
Simplesmente Você

2

2
Livros que me fizeram chorar

3

3
Livros Para Ler Em Um Dia

4

4
Um Personagem em Minha Vida

5

5
As Vezes Olho Para O Céu E Te Vejo

Visualizações de página do mês passado

FORMULÁRIO DE REEFS

DEFENDA OS CORAIS DA AMAZÔNIA

Pressione a Total e a BP a cancelar seus planos de exploração petrolífera na Foz do Amazonas.